quarta-feira, 8 de julho de 2015

#doealegria - Anemia Falciforme

Olaaa pessoal, como vocês estão ?!
Hoje vim falar de um assunto muuuito sério.
Sobre a Anemia Falciforme, para quem ainda não conhece a Anemia Falciforme, é uma doença hereditária caracterizada pela alteração dos glóbulos vermelhos do sangue. Essas células têm sua membrana alterada e rompem-se mais facilmente, causando anemia. 
A anemia é manifestada de forma diferente em cada pessoa. Uns têm apenas alguns sintomas leves, outros apresentam um ou mais sinais. Os sintomas geralmente aparecem na segunda metade do primeiro ano de vida da criança. 
A doença não é contagiosa e não deve ser confundido com hepatite.


Anemia Falciforme

Vamos falar alguns de seus sintomas:

  • Crise de dor: é o sintoma mais freqüente da doença falciforme causado pela obstrução de pequenos vasos sanguíneos pelos glóbulos vermelhos em forma de foice. A dor é mais frequente nos ossos e nas articulações.
  • A cor amarelada nos olhosé o sinal mais frequente da doença.
  • Síndrome mão-pé: nas crianças pequenas as crises de dor podem ocorrer nos pequenos vasos sanguíneos das mãos e dos pés, causando inchaço, dor e vermelhidão no local;
  • Infecções: as pessoas com doença falciforme têm maior propensão a infecções e, principalmente as crianças podem ter mais pneumonias e meningites. Por isso a importância ainda maios da vacinação contra essas doenças.
  • Feridas na pernaocorre mais frequentemente próximo aos tornozelos, a partir da adolescência. As úlceras podem levar anos para a cicatrização completa, se não forem bem cuidadas no início do seu aparecimento.
  • Sequestro do Sangue no Baço: o baço é o órgão que filtra o sangue. Em crianças com anemia falciforme, o baço pode aumentar rapidamente por sequestrar todo o sangue e isso pode levar rapidamente à morte por falta de sangue para os outros órgãos, como o cérebro e o coração.

Como é feito o diagnotico da Anemia Falciforme?

Através do exame eletroforese de hemoglobina. O teste do pezinho, realizado gratuitamente antes do bebê receber alta da maternidade, proporciona a detecção precoce de hemoglobinopatias, como a anemia falciforme.

Qual o tratamento da Anemia Falciforme?

Quando descoberta a doença, o bebê deve ter acompanhamento médico adequado baseado num programa de atenção integral. Nesse programa, os pacientes devem ser acompanhados por toda a vida por uma equipe com vários profissionais treinados no tratamento da anemia falciforme para orientar a família e o doente a descobrir rapidamente os sinais de gravidade da doença, a tratar adequadamente as crises e a praticar medidas para sua prevenção.

Bom, ai vocês me perguntam o porque eu estou falando de um assunto tão delicado no meu blog. A nossa amiga e blogueira Jaqueline Santos (aqui) esta precisando de transfusão de sangue do tipo O- (O negativo)
Se você é daqui de Salvador e gostaria de ajudar a nossa amiga com essa transfusão de sangue é só você se dirigir ao HEMOBA ali do Hospital Geral do Estado na Vasco da Gama em nome de Jaqueline Santos Silva e doar !

Anemia Falciforme

É por uma boa causa que mudei totalmente o rumo do blog hoje, e lógico sempre que eu precisar vim aqui falar de outro assunto que vá ajudar e alertar a muitas pessoas irei com certeza.


Beijos galerinha, espero que vocês tenham gostado
Instagram: @luanamidorie
Twitter: @luanamidorie
Snapchat: luanamidorie
Fan Page: facebook.com/blogbyluanamidorie

2 comentários:

  1. muito boa a iniciativa de ajudar, sei o que é precisar de doação de sangue, pois há algum tempo minha mãe precisou, é realmente uma ótima forma de ajudar a alguém que precise.
    Desajustada Blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Jessica, e seria tão bom se todos divulgassem que ai sim conseguiria um maior número de pessoas pra doar sangue, medula, tudo.

      Excluir

 renata massa